Caraterísticas do Pug

Família: companhia, mastiff
Origem: China
Função Original: Cão de Companhia/Apartamento
Altura: 30.5 cm (macho), 25.4 cm (fêmea)
Outros Nomes: Carlino, pug-dog, mol, mop, carlin e mops.

 

 

Origem

Pug é uma raça de cão de companhia originária da China. Esta afirmação é baseada no fato de terem encontrado cães similares na nação Oriental de 1700 a.c., no entanto, apenas quando levada à Europa, primeiramente pelos holandeses e em seguida pelos ingleses, é que a raça atingiu o padrão moderno.



Pug foi levado à Holanda por volta do século XVI pela Companhia de Navegação Mercantil Holandesa, dita Companhia Holandesa das Índias Orientais, e foi bastante apreciado pelas damas da sociedade como cão de colo. Depois chegou à Inglaterra que o adotou e mais tarde redigiria o seu padrão. Antes, porém, no início do século XVII, já era difundido em vários países europeus como Itália, França, Espanha e Alemanha. Sempre tido como animal de estimação da nobreza e alta sociedade, sua trajetória remonta os episódios com Napoleão Bonaparte,Maria Antonieta, o Príncipe Guilherme de Orange e mais recentemente com o Duque de Windsor. Sem o aviso de um pequeno Pug, Guilherme teria morrido nas mãos dos espanhóis. O latido de alerta do cão avisou sobre a invasão e salvou uma vida real. O Pug tornou-se o cão oficial da corte, e o túmulo de Guilherme exibe, além dele, seu querido cão de estimação.

Contudo, sua origem permanece menos certa que os serviços que presta. Ele pode ter ascendência asiática ou europeia e o nome provavelmente pode se referir a um tipo de sagui (também chamado de Pug). Os ingleses o batizaram de Pug ou “Pug-Dog”, isto é “coisa diminuta”, “cão diminuto”. O nome Carlino ou Carlini foi usado pela primeira vez na França, pelo aspecto cômico, curioso e mal-humorado ao mesmo tempo, que lhe conferem as rugas e a pigmentação particular do rosto, o nome de um ator, célebre no papel de Arlequim, com o qual o rosto redondo, com mascara preta, revelava certa afinidade.

Com o aumento de sua popularidade, conquistou ainda diversos nomes: carlino, pug-dog, mol, mop, carlin e mops.

 

Temperamento

O que realmente faz um Pug feliz é fazer parte da família. São cachorros muito ativos e cheios de vida. Adoram brincar e são especialmente afetuosos com crianças, ideais para ter em apartamentos.



Ter um pug não é para qualquer pessoa. Se você passa muito tempo fora de casa, esqueça essa ideia, pois pugs são animais que necessitam de muita atenção e carinho por parte dos humanos. Eles precisam de famílias presentes e sempre prontas a lhes dar atenção.

 

Desvantagens

Existem algumas desvantagens em ter um pug, uma delas é a quantidade de pêlo que eles largam. Estes cachorrinhos mudam o pêlo conforme muda as estações e contudo, precisam de cuidados especiais. Escovar o pêlo diariamente e limpar a sua “preguinha” faz parte da sua rotina. Assim como também limpar o interior de suas orelhas todas as semanas.

Nos inúmeros cruzamentos a que a raça foi submetida, infelizmente muitos criadores se focaram mais em acentuar determinados traços físicos do que na sua saúde, portanto, esse pequeno cão possui uma série de restrições físicas, principalmente quando o assunto é respiração e a sua intolerância ao calor. Se não vive em um local frio, deve ter sempre acesso a um ar condicionado no verão e não pode de maneira alguma viver sem ser dentro de casa.

São cães muitos sensíveis e não podem viajar de avião devido à sua dificuldade de respiração.

São cachorros inteligentes e fáceis de serem adestrados, contudo devem começar a ser treinados desde muitos cedo para aprenderem a respeitar os limites e regras familiares. Os pugs também conseguem ser excelentes tutores para outros animais.


Aparência, Pelagem e Cor

O Pug é um cachorro com os olhos grandes decididamente quadrado, robusto, enxuto, apresentando uma estrutura compacta e musculatura bem desenvolvida, sem ser magro nem pernalta. A cabeça do Pug é relativamente larga, maciça, redonda, sem sulco médio no crânio, de tamanho proporcional ao corpo. O focinho é curto, obtuso, quadrado, tem rugas profundas e grandes na testa, mas sem exagero, apresenta trufa preta com narinas razoavelmente grandes e bem abertas. Seus olhos são relativamente grandes, escuros, brilhantes e de expressão doce.

As orelhas do Pug são finas e pequenas, macias com textura de veludo. Há dois tipos distintos, a “orelha em rosa”, que é caída e dobrada para trás, e a “orelha em botão”, que é caída para frente de maneira a cobrir o orifício da orelha. A cauda do Pug é inserida alta, o mais enrolada possível sobre o dorso.De acordo com o standard oficial, a raça Pug é considerada de porte pequeno, o peso dos cães dessa fica entre os 6,3 e 8,1 kg.

A pelagem é lisa, fina, suave, curta e brilhante, nem áspera e nem lanosa. As cores são o preto, amarelo damasco (abricot), fulvo e prata. Cada uma claramente definida para fazer um completo contraste entre as cores, o traço (a linha preta que se estende desde o occipital até a cauda), e a máscara. A chamada máscara, as orelhas, os sinais nas bochechas, a marca do polegar ou diamante na testa e o traço são o mais preto possível.

 

10 COISAS QUE PRECISA SABER ANTES DE ADOTAR UM PUG

One thought on “Pug”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *