Origem do Yorkshire Terrier

Yorkshire terrier, também chamada york e yorkie, é uma raça canina de pequeno porte do grupo dos terriers, originária do condado de Yorkshire na Inglaterra. De acordo com a Federação Cinológica Internacional, é a raça de padrão 86, inserida no grupo 3, pertencente à seção 4. Inicialmente criada para ser rateira, seus criadores perceberam de cedo o potencial para uma bem sucedida raça de companhia. Após cruzamentos específicos, o padrão de tamanho, beleza e comportamento foi atingido, o que o tornou um animal popular em poucos anos.



Seu físico é descrito como diminuto e proporcional, de pelagem macia, lisa e comprida, o que lembra o cabelo humano. Sua coloração é difícil de ser obtida, o que o torna ainda mais interessante. Sua personalidade, descrita por alguns como grande para seu tamanho, é classificada como destemida, carinhosa, afetuosa, versátil e independente, o que atraiu a atenção dos lares do mundo inteiro, fazendo do yorkshire o cão miniatura mais popular de todos. Inteligente, é também o número um no grupo dos terriers em lista elaborada, que divide a inteligência canina em ranking.

A busca pelo animal perfeito gerou problemas específicos para a saúde dos exemplares modernos, bem como características psicológicas negativas e termos inexistentes, que prejudicam o bom desenvolvimento de certos indivíduos, além dos problemas de saúde comuns a todos os caninos.

Presente na cultura humana desde o seu surgimento como raça canina, foi o cão favorito na Inglaterra, o primeiro campeão nos Estados Unidos em exibição de raças, o preferido no Brasil por dez anos seguidos e o terceiro cão mais popular em Portugal. O menor de todos os terriers tem como destacados exemplares um campeão de pistas e um soldado da Segunda Guerra Mundial.

 

Temperamento e Características do Yorkshire Terrier

  • Alta energia;
  • Não precisa de muito exercício;
  • Grau de apego ao dono: médio;
  • Relacionamento com outros cães: tímido;
  • Relacionamento com outros animais: tímido;
  • Relacionamento com estranhos: amigável;
  • Fácil de treinar;
  • Baixo nível de proteção;
  • Cuidados com pelo: alto;
  • Baixa tolerância ao frio;
  • Média tolerância ao calor.




O Yorkshire Terrier adora uma aventura e uma encrenca. Ele está sempre ocupado, tem a personalidade forte, é teimoso e pode ser agressivo com cães estranhos e outros animais pequenos. Embora alguns tendam a latir muito, pode ser facilmente educado para não latir tanto.

Os Yorkshires são muito inteligentes e prontos para aceitarem treinamento. Eles amam atenção da família e odeiam ser ignorados por longos períodos de tempo. Eles são ótima companhia para quem vive sozinho, têm energia de sobra para brincar, se dão bem com outros cães e gatos – se acostumados desde cedo e o melhor: amam receber carinho e ficar no colo!

Eles se adaptam bem à família e provavelmente seguirão o temperamento da casa. Se for uma casa calma, serão cachorros calmos. Uma casa agitada vai gerar um Yorkshire agitado também.

O Yorkshire também são ótimos cães para terapia. Embora provavelmente você não vai ter um para isso, é legal saber como seu cachorro é esperto e nunca subestimar as coisas de que ele é capaz.



Essa raça é muito dócil e ótima para crianças, pois aceitam brincadeiras e não se irritam com facilidade.

Entrevista com criadora de Yorkshire Terrier

One thought on “Yorkshire Terrier”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *